Conteúdo

Intervenção do Presidente da Câmara Municipal na Tomada de Posse

20 de outubro de 2021
Intervenção do Presidente da Câmara Municipal, José Manuel Vaz Carpinteira, no ato da tomada de posse do Novo Executivo Municipal de Valença.
Caras e Caros Valencianos e Amigos,
     A minha primeira palavra nesta cerimónia protocolar é de GRATIDÃO.
     Agradeço em primeiro lugar à minha família, em especial à minha mulher e às minhas filhas, pelo apoio constante que sempre me garantiram.
     Agradeço aos Valencianos e Valencianas a confiança depositada em mim e na minha equipa para liderar os destinos de Valença nos próximos quatro anos. 
     A vossa confiança traduz-se numa maior responsabilidade, à qual responderemos com uma enorme dedicação, capacidade de trabalho e ambição para honrarmos os compromissos que assumimos convosco. 
     Agradeço aos jovens pelo compromisso e entusiasmo responsável, sempre ao meu lado, com um brilho no olhar, acreditando no que estávamos a construir. Mais do que o futuro são o nosso presente!

     A segunda palavra é de RECONHECIMENTO.
    Um reconhecimento aos 8555 Valencianos e Valencianas que votaram nestas eleições, porque a sua participação em número crescente valorizou a candidatura vencedora e, acima de tudo, fortaleceu a Democracia no nosso concelho combatendo a abstenção.

      A terceira palavra que vos transmito é de APREÇO.
     Apreço às várias candidaturas que participaram nestas eleições, com projetos, propostas e visões diferentes para a nossa terra, enriquecendo o debate político e clarificando as opções.
     Por isso, àqueles que foram eleitos para a importante missão de trabalhar na Oposição, quer no executivo municipal, quer na assembleia municipal, endereço as minhas felicitações e os votos de um profícuo mandato em prol de Valença e dos Valencianos.
     Eu valorizo o estatuto da Oposição, porque esta quando construtiva e bem exercida, é fundamental para a gestão municipal. 
     Governaremos com a maioria relativa que o povo valenciano, com o seu voto soberano, nos confiou.
    Sabemos dos grandes desafios e do trabalho acrescido, mas abraçaremos esta missão com determinação, coragem, experiência e capacidade de diálogo.
     Dos eleitos da Oposição, conto com a colaboração e, sobretudo, a responsabilidade de colocarem os superiores interesses de Valença em primeiro lugar. Por isso, contamos com todos os que de boa-fé queiram contribuir para a construção do futuro do nosso concelho. Só assim faz sentido a governação no Poder Local!

      A quarta palavra que destaco é o COMPROMISSO.
     Porque nos comprometemos a trabalhar afincadamente para honrar o programa eleitoral que os Valencianos e Valencianas elegeram.
     Fizemos o que nunca foi feito em Valença e abrimos a construção do nosso programa eleitoral às instituições, às associações, às coletividades e forças-vivas de todas as freguesias do concelho, sem deixar ficar ninguém para trás, nos Roteiros de Coesão e Proximidade.
     Por isso, o programa, que agora iremos executar, vai de encontro às reais necessidades, expectativas e aspirações da sociedade civil e das instituições valencianas, que são parceiros estratégicos ao serviço do desenvolvimento socio-económico de Valença.
       Fomentámos a participação cívica e política durante a campanha e continuaremos a fomentá-la durante a nossa gestão municipal, valorizando a opinião e a visão das pessoas, que são o alvo privilegiado das nossas ações e decisões.

Caras e caros amigos, Valencianas e Valencianos,
      A quinta palavra que realço neste ato é VALENÇA. 
     Porque é por Valença que estamos aqui plenos de vontade, dedicação e ambição. 
     Porque é a terra dos nossos sonhos e queremos delinear e concretizar um futuro de oportunidades para todos, onde os valores e os princípios do mérito pelo trabalho sejam sempre estimulados e apoiados. 
   Tal como dissemos em campanha eleitoral temos o legítimo sonho de um município bem diferente daquele que hoje conhecemos. 
    Um concelho com mais ambição, maior capacidade de ação e intervenção, mais projetos para o seu real e efetivo desenvolvimento. 
      Desejamos um novo paradigma para Valença, capaz de mobilizar a sociedade em geral. 
     Os valencianos terão de sentir orgulho em afirmar a suas raízes e a sua pertença para com esta terra.

     Temos um notável património natural, um fantástico e apreciado património arquitetónico, que tudo faremos para elevar ao mais alto dos patamares - classificação UNESCO - e temos um imenso futuro pela nossa frente para fazer aquilo que tantos reclamam que seja feito: erguer uma nova visão política para um novo concelho de Valença, apostar na cidade comercial, desenvolver a cidade cultural, promover a cidade de mais e melhor emprego, afirmar a cidade para o turismo cultural, gastronómico e criativo, sem esquecer a cidade voltada para o seu rio Minho. 
     Tendo como grande objetivo fazer de Valença a Cidade dos Encontros – uma cidade atrativa para investir e trabalhar e sedutora para viver e visitar. 
     Queremos desenvolver uma agenda nos domínios da saúde, educação, coesão social e habitação, que crie ou potencie as condições necessárias ao bem-estar, à harmonia e à igualdade de oportunidades para todos os Valencianos. 
     Queremos afirmar o Município como agente dinamizador da economia local e valorizando o tecido empresarial dos diversos setores de atividade.
     A Câmara Municipal será um verdadeiro acelerador de investimento, fomentando o desenvolvimento de empresas num ambiente de transição digital o que contribuirá para a criação de emprego mais qualificado.
     Queremos afirmar Valença como a capital da atividade cultural do Vale do Minho, através de uma agenda de eventos de qualidade, que valorize o seu vasto e rico património e a sua identidade histórica, com destaque para um grande evento de referência, para projetar nacional e internacionalmente a “marca Valença” nos mercados turísticos. 
     Estando Valença em pleno centro da Euro-Região Norte de Portugal-Galiza, pretendemos fortalecer a cooperação transfronteiriça, com destaque para a Eurocidade Valença-Tui. Queremos o Município como agente interventivo na criação de condições para o bom uso, ocupação e promoção do território e das suas potencialidades, para a proteção e valorização dos recursos naturais que suportam os nossos ecossistemas e para a requalificação do património histórico e de zonas degradadas. 

      Queremos Valença na vanguarda da Juventude, do Desporto e do Associativismo. Afirmaremos o Município como um agente proactivo na formulação e aplicação de políticas que vão de encontro às reais necessidades dos jovens valencianos, ambicionando a sua fixação no nosso concelho, fomentando a sua emancipação e aproveitando todo o seu potencial, formação e competências para o desenvolvimento local. 
     Fomentaremos o Desporto e a prática desportiva, através da disponibilização de uma rede de equipamentos desportivos adequada à necessidade dos valencianos, em geral, e dos clubes desportivos, em particular. 
       Em parceria com as associações e coletividades valencianas, definiremos uma estratégia anual planificada e diversificada que permita a afirmação do Associativismo no concelho.
      As freguesias vão ter uma linha permanente de colaboração com o executivo municipal, sendo que a sua autonomia vai ser reforçada.
     Descentralizando competências e reforçando as transferências financeiras para poderem corresponder de forma mais imediata e eficaz às necessidades dos seus fregueses.

Caras e Caros Amigos,
      Estas são algumas propostas que conduzirão aos projetos, obras e medidas que temos idealizadas para o desenvolvimento sustentado do concelho. 
     Assumimos por inteiro e muito claramente as nossas responsabilidades, reiterando como prioridades a afirmação e o crescimento económico e social, assim como a defesa de uma Agenda de Desenvolvimento, Qualificação e Crescimento Económico de Valença, em sede do novo quadro de fundos comunitários que irá vigorar até 2030.

Não há tempo a perder.
     Quero, no entanto, abordar algumas prioridades que assumimos perante os eleitores valencianos e pelas quais pugnaremos, já a partir de hoje.
     A primeira delas prende-se com a reabertura do Serviço de Atendimento Permanente no Centro de Saúde, devolvendo a Valença o Serviço de Urgências. Já encetamos contactos com a tutela governamental tendo em vista a criação de condições para tornar este objetivo realidade.
      A segunda relaciona-se com a empresa “Águas do Alto Minho”. Vamos solicitar todos os documentos que estiveram na base do contrato de adesão à ADAM e pedir parecer jurídico para que todos conheçamos a realidade contratual. Posteriormente, em conjunto com os munícipes, tomaremos a decisão mais adequada aos interesses de Valença e dos Valencianos. 
     Outra prioridade é adequar a Estratégia Local de Habitação de Valença às necessidades dos jovens e das famílias de classe média, para além da requalificação dos bairros sociais.
     Queremos, também, dar resposta à dificuldade de alojamento de centenas de jovens que estudam nesta Escola Superior. Trabalharemos, com o Instituto Politécnico de Viana do Castelo e com a Escola Superior, para resolver esta situação e criar uma Residência Universitária em Valença. 
     Isto para que não se perca nenhuma oportunidade no âmbito do PRR.

Caras e caros Valencianos,
      Na nossa equipa, no nosso projeto, há muita ambição e uma inegável vontade para implementar um NOVO RUMO na história de Valença e dos Valencianos.
       Temos um sonho à medida das aspirações de cada Valenciano para a sua terra. 
     É um sonho desafiante mas condizente com a grandeza da história de Valença, da força coletiva do povo Valenciano, da identidade e das tradições que, ao longo dos séculos, nos trouxeram da Contrasta a Valença.
       E, como dizia Fernando Pessoa, “o homem sonha e a obra nasce”! Nós sonhamos muito e estou certo que a obra nascerá. 
      Estamos neste desafio por amor a Valença, conscientes das exigências do serviço público, e com a energia para dar um novo impulso à nossa terra, onde todos os sonhos se tornem realidade.
      Contamos com a colaboração e participação de todos e cada um dos Valencianos para uma mudança tranquila e em liberdade, a começar na nossa casa, nos funcionários municipais que serão elementos ativos desta mudança. 
      Vamos honrar o passado e construir um futuro comum no qual todos são necessários. Porque sozinhos vamos mais rápido, mas juntos vamos mais longe!

Obrigado a todos! Vamos ao trabalho!
JUNTOS POR VALENÇA, hoje e sempre!   
Viva VALENÇA!

Adicionar comentário