Conteúdo

VALENÇA E TUI CELEBRARAM O 10º ANIVERSÁRIO DA EUROCIDADE

10 de fevereiro de 2022

A Eurocidade Tui-Valença celebrou o seu 10º aniversário, esta quinta-feira, 10 de fevereiro, numa cerimónia protocolar que decorreu no edifício da antiga alfandega e que contou com a presença de José Manuel Carpinteira, presidente do Município de Valença, Enrique Cabaleiro, alcalde do Concello de Tui, Nuno Almeida, diretor da AECT da Eurorregiao Galicia Norte de Portugal, Alfonso Rueda, vice-presidente da Xunta de Galicia e Célia Ramos, vice-presidente da CCDR-Norte.

O ato contou com a assinatura do protocolo de cooperação entre a Eurocidade Tui-Valença e a AECT Galicia - Norte de Portugal que visa o reforço das ferramentas de cooperação transfronteiriça assim como a criação da personalidade jurídica da Eurocidade.

Para José Manuel Carpinteira, Presidente da Câmara Municipal de Valença, "celebrar o 10° aniversário da Eurocidade Tui-Valença é fazer uma retrospetiva do fortalecimento das relações transfronteiriças de duas cidades, de dois povos-irmãos, unidos por um rio, o Minho de partilhas, de histórias e de uma identidade única da raia."

Prosseguiu, afirmando que "após a construção de uma agenda e projetos culturais e desportivos comuns, urge dar o próximo passo para uma maior convergência institucional, económica, social e ambiental, promovendo a partilha e utilização de serviços comuns como um instrumento dinamizador da Eurocidade Tui-Valença."

Por outro lado, refere que " dez anos após a formalização da constituição da nossa Eurocidade através de um convénio com o AECT Galiza-Norte de Portugal, assinamos hoje um protocolo de cooperação, ambicionando a maximização do desenvolvimento do território transfronteiriço que partilhamos, por um lado, e o reconhecimento da personalidade jurídica da Eurocidade, por outro."

Este é um passo fundamental para a implementação da visão estratégica para o futuro da Eurocidade Tui-Valença e para o apoio e valorização deste território de fronteira, que tanto sofreu nos últimos 2 anos, fruto da crise pandémica de Covid19 e que merece respostas fortes para a retoma socioeconómica”.

Enrique Cabaleiro, alcalde do Concello de Tui realçou que “com a criação da Eurocidade Tui-Valença surgiram outras como Vila Nova de Cerveira-Tomiño, Salvaterra do Miño-Monção e recentemente a AECT Rio Minho, de onde sairam muitos projetos de cooperação territorial que nos permitem melhorar a qualidade de vida das nossas populações, sejam elas do lado português ou Galego”.

Fazendo um rápido balanço, estes 10 anos são, sem dúvida, muito positivos. Muitas atividades culturais e desportivas foram desenvolvidas mas, obviamente, temos de ser muito mais ambiciosos e ir mais além”.

Já Nuno Almeida, diretor da AECT da Eurorregiao Galicia Norte de Portugal afirmou que “é nosso objetivo específico colaborar com as entidades regionais e locais, como a Eurocidade Valença - Tui, visando o reforço da coesão social e institucional da Eurorregião e sua transformação num espaço mais atrativo, investindo nos sistemas básicos de transporte e de acessibilidade, assim como apostando no reforço das sinergias entre crescimento e desenvolvimento sustentável”.

Por sua vez, Célia Ramos, vice-presidente da CCDR-Norte efetuou um entusiasta reconhecimento a esta Eurocidade por “celebrar e aprofunda a amizade entre dois povos que, realmente, são só um. Um povo num território com uma identidade muito própria que possui uma experiência de cooperação com vista à melhoria da qualidade de vida desta população transfronteiriça e à atratividade do seu território”.

Por fim, Alfonso Rueda, vice-presidente da Xunta de Galicia referiu que “esta Eurocidade é a perfeita mostra do que supõem trabalhar em conjunto. As atividades culturais e desportivas que se realizam dos dois lados da fronteira parecem completamente normais, mas são, um pequeno milagre que, há uns anos, eram praticamente impossível”.

Para finalizar, deu como exemplo a cooperação que existe nos Caminhos de Santiago, aplaudindo a certificação da passagem do Caminho da Costa por Valença e Tui, pelo Governo Português, augurando um fantástico ano, no que respeita ao número de peregrinos que passarão por esta Eurocidade”.

A EUROCIDADE VALENÇA -TUI NÃO SE SENTE, VIVE-SE!”

Adicionar comentário